06/04/2020

Navegação em Mar aberto e Interior: quais são as principais diferenças?

A gente sabe que os dois tipos de navegação possuem suas características únicas, mas você sabe quais são as principais? O que podemos levar em consideração na hora de comprar um barco?

Morar longe do mar não é mais motivo para ficar de fora do mundo náutico, pois as embarcações também se adaptam aos passeios em águas doces. A experiência em cada uma é única, você tem a versatilidade de poder praticar esporte, passear com a família e os amigos e conhecer novos lugares em ambas.

E para escolher o barco ideal primeiro saiba as diferenças entre navegar em águas salgadas ou doces.

Navegação em Mar aberto

A navegação em mar aberto é a realizada em águas marítimas consideradas desabrigadas, podemos dividir a navegação entre costeira, onde você pode chegar a distância de até 20.000 milhas da costa. E a oceânica, onde você ultrapassa 20.000 milhas da costa ou mais.

O Brasil tem um litoral imenso com diversas opções de áreas navegáveis e lindas para curtir o dia com a família.

Para um melhor entendimento, desenvolvemos um exemplo da costa do litoral norte de Santa Catarina:

No mar a densidade da água exige menos potência do motor, mas é sempre importante levar em consideração que você possui uma maior variável de tempo, vento e marola.

No mar, você também pode praticar esportes mais radicais com a Focker 242 ou Focker 255 ambas com modelos cabinado ou proa aberta, e caso você busque mais conforto na navegação, mais pessoas a bordo e desfrutar o passeio em família, temos a Focker 377 e a F420 Gran Coupê.

Navegação no Interior

A navegação interior ocorre em águas consideradas abrigadas, ou seja, em lagos, rios, baías e represas. Nesse tipo de navegação normalmente não há dificuldades no tráfego das embarcações, há poucas ondas e menores, em uma água mais tranquila.

Assim como no litoral, o Brasil é rico em águas abrigadas, um exemplo disso é Rifaina (SP) e Escarpas do Lago (MG).

Quando a navegação é feita em água doce, a densidade da água modifica e nesse caso, dependendo da sua necessidade, umas das possibilidades é trabalhar com um motor com uma potência mais alta ou equilibrar a motorização com um passo de hélice diferenciado.

Em águas abrigadas também é possível a prática de esportes radicais, e principalmente por sua estabilidade os passeios em família.

Benefícios das navegações

Os dois tipos de navegação tornam nossos momentos ainda mais inesquecíveis. Além de ser referência no mercado náutico, a Fibrafort tem o cuidado para que todos os seus barcos tenham o mesmo desempenho em águas doces e salgadas.

Clique aqui, faça um orçamento e entenda qual modelo de barco que mais se adequa às suas necessidades. Nossos especialistas estão prontos para melhor atendê-los.